|  Projeto Arte é o Melhor Remédio

Patrocinado de 2012 a 2014 pela Unimed-Rio, Ministério da Cultura, Lei Federal de Incentivo à Cultura. Patrocinado desde 2013 pela Conservice Serviços Empresariais, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

Criado em 2007 o Projeto Arte É o Melhor Remédio (PAMR) oferece muitas atividades culturais às comunidades do Complexo do Turano e adjacências (Morro do São Carlos, Bairros do Rio Comprido e Estácio). Partindo de uma metodologia de ensino única, da proposta de inclusão social e de democratização do acesso a arte, o projeto destaca três pontos cruciais:

  • A educação em artes e através das artes
  • A Arte como ofício
  • A Arte como remédio

A educação em artes e através das artes

++ Aulas de Dança

Por acreditar na arte como elemento agregador e transformador social e partindo do desejo de integração desta no conjunto de ações educativas que desenvolvam potencialidades humanas, o PAMR oferece oficinas gratuitas de dança. Desde 2007 já participaram das oficinas cerca de 500 jovens e crianças. Este ano temos por volta de 120 alunos, divididos nas sete oficinas oferecidas (Breaking, Dança de Rua infantil, Dança de Rua iniciação juvenil, Dança de Rua intermediário juvenil, ballet clássico infantil, ballet clássico juvenil, oficina de teatro).

++ Arte na Praça

Ainda com foco na democratização do acesso a Arte, o PAMR realiza uma ocupação, uma vez por mês, na praça do Rio Comprido, chamada Arte na praça. Consiste em levar os alunos de dança e seus fazeres ao alcance do público. Uma vez por mês, os alunos fazem apresentações de dança e uma aula pública na praça do Rio Comprido.

A Arte Como Ofício

++ Companhia Híbrida

Além do curso de formação de instrutores, foi criada a Companhia Híbrida, formada pelos alunos mais antigos do PAMR, que trabalha com a mistura das linguagens da Dança Contemporânea, da dança Hip Hop e da linguagem teatral.

++ Formação de Instrutores

O PAMR desenvolve um trabalho de formação de multiplicadores de dança. Este, com interface teórica e prática, auxilia na formação de instrutores que hoje dão aulas no PAMR, em escolas da rede pública e outras comunidades.

A Arte Como Remédio

Partindo de uma solicitação da médica Isabel Nunes, responsável pela pediatria do Hospital Menino Jesus, no bairro de Vila Isabel, a Companhia Híbrida iniciou um programa de parceria em 2007, que se estendeu a outros hospitais da rede pública do Rio de Janeiro. Acreditando no poder de auxilio que a arte pode oferecer aos tratamentos médicos, a Companhia Híbrida Leva suas peças para funcionários, pacientes e seus familiares. Alguns hospitais beneficiados:

  • Hospital Menino Jesus, Vila Isabel - RJ
  • Hospital Municipal da Piedade, Piedade - RJ
  • Hospital Salles Neto, Rio Comprido - RJ
  • Instituto Nacional do Câncer INCA, Praça da Cruz Vermelha - RJ
  • Instituto Nacional do Câncer INCA, Vila Isabel - RJ